Sexta-feira, 12 de Outubro de 2007

Cultura Popular - Canção das Vindimas

 

0007fh5y

Foto: Nelson Lopes, Fabrico de Aguardente, rua das Pereiras, Carção

 

 

0007gfy4

Foto: Nelson Lopes, Fabrico de Aguardente, rua das Pereiras, Carção

 

 Canção das vindimas

 

Ó bela sai á janela,

Já há dias que não te vi,

Quero saber da resposta,

Da carta que eu te escrevi.

 

Da carta que eu te escrevi,

Já meu pai me deu por ela,

Por bem anos que eu viva,

Não volto mais á janela.

 

Eu enganar, enganei-a,

Coisas que todos faziam,

Eu ia a dormir com ela,

Porque a mãe dela me consentia.

 

Ó bela sai á janela,

Deixa lençóis, deixa tudo,

Bem a ver quem te enganou,

Na noite, pelo escuro.

 

Enganei uma donzela,

Chamada Hélia do Coração,

E agora por causa dela,

Estou á janela desta prisão.

 

               Recolha: Paulo Lopes

               Canção citada em Carção por: Noémia Cordeiro, 14 – 09 - 2007

 

 

publicado por almocreve às 01:29
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Fred a 12 de Outubro de 2007 às 12:38
as fotos são espectaculares.
De de Coimbra a 12 de Outubro de 2007 às 14:15
Também concordo com apreciação do Fred. As fotos são de facto maravilhosas assim como a canção.

- Bai ua pinga ò Mata-bicho?

Que saudades desse tempo..!

Comentar post

Participa na Almocreve 2009

 

Contactos:

paulolopes78@hotmail.com

carcao@hotmail.com

.

.

.

.

.

Envie-nos fotos, artigos e outros...

paulolopes78@hotmail.com

hit counter

.pesquisar

 

.favoritos

. Algumas orações dos marra...

.links

.as minhas fotos

.arquivos

blogs SAPO

.subscrever feeds